SETORES DE PROJETO

Simulação e CAD

É o setor responsável pela modelagem computacional do projeto. Cabe ao setor realizar as análises da aeronave e de seus componentes. Também é de responsabilidade do setor a confecção de plantas e demais desenhos técnicos necessários.

Estabilidade e Controle

É o setor responsável por dimensionar as superfícies de controle da aeronave, sendo elas que proporcionam o movimento. Juntamente a isso, projetar superfícies que sejam estabilizantes, compensando assim as interferências externas em relação ao movimento da aeronave.

Piloto

É responsável por controlar a aeronave através de um rádio controle, seguindo o percurso e realizando as manobras determinadas pelo regulamento da competição. Como em um avião em escala real, o piloto deve ser capaz de decolar, seguir o percurso e pousar o VANT (veículo aéreo não tripulado) usando os comandos de aceleração (motor), arfagem (profundor), rolagem (aileron) e guinada (leme).

Capitania

É responsável por elaborar um planejamento e monitorar o desenvolvimento de atividades do projeto. É comum para o setor a realização de práticas organizacionais e estratégicas. Além de representar a equipe diante de parceiros, patrocinadores e em competições, prezando o sucesso do grupo.

Aerodinâmica

É o setor responsável por estudos do comportamento do ar sobre a aeronave e projeto da asa. Através, de análises e cálculos, visa a possibilidade de maiores resultados referentes à comportamentos, coeficientes de arrasto e sustentação do avião, sempre em busca de novos componentes e temas para progresso do setor.

Engenharia do Produto

É o setor responsável por lidar com as questões administrativas e financeiras da equipe, cuidando das documentações necessárias e do controle de recursos financeiros. Além de lidar com toda a logística e assessoria, visa o estudo e aplicação de ferramentas de Gestão de Pessoas e Qualidade.

Cargas e Aeroelasticidade

O setor de Cargas e Aeroelasticidade é responsável pelo cálculo de todas as cargas atuantes na aeronave, sendo elas em voo ou em solo, assim enviando esses dados para o setor de Estrutura e Materiais, para que possam dimensionar as superfícies. Pela parte de aeroelasticidade, há o estudo das consequências das iterações das forças inerciais, elásticas e aerodinâmicas, para assim evitar problemas drásticos, tais como: Divergências, Flutter, Reversão de Comandos, entre outros. Para ambas partes do setor, ensaios e simulações são de grande valia, para assim certificar a exatidão dos cálculos e estudos, para efetuar um voo seguro.

Estrutura e Materiais

É o setor responsável pela parte estrutural da aeronave. Certificar-se que a aeronave suporta todas as cargas, as quais ela estará sujeita durante o processo de taxiamento e voo, sem se romper. Além, da escolha dos materiais que serão utilizados na construção da mesma.

Desempenho

É o setor responsável por estudar todo o comportamento cinético da aeronave, analisando suas características a partir da decolagem até o pouso. Além de escolher o grupo moto-propulsor (motor + hélice), através de testes que irão ajudar na escolha e melhoria apropriada do mesmo.

Elétrica

É o setor responsável pelo rádio, receptor, bateria e servos. Através deles é feito o controle das superfícies de comando, além, de freio e acelerador. Também responsável pelo uso de sensores para obtenção de dados em ensaios (estáticos ou dinâmicos), e aquisição de dados em voo. Permitindo assim, uma análise da confiabilidade do projeto, uma comparação entre os valores simulados e calculados, além dos valores obtidos na prática.

CONSTRUÇÃO

Estrutura

É o setor responsável por construir a fuselagem, freio, compartimento de carga e trens de pouso. Além de realizar uma construção em que se tenha o máximo de zelo para que a estrutura da aeronave fique o mais próxima da projetada.

Empenagem

É o setor responsável pela construção e fixação da empenagem da aeronave, tanto horizontal como vertical, que são superfícies de estabilidade e controle. Além de construir e fixar o tail boom, o setor leva o projeto de estabilidade e controle para a prática.

Asa

É o setor responsável pela construção, em cima dos parâmetros da planta feita pelo setor de projeto de Simulação e CAD, de todos os componentes que constituem a asa da aeronave, respeitando as definições de dimensões e geometrias do projeto.